06 dezembro, 2014

APANHEI-TE CAVAQUINHO

A história de um instrumento musical tipicamente português, APANHEI-TE CAVAQUINHO é o título de um dos mais famosos temas de sempre da música popular brasileira. Foi composto por Nazareth em 1914 como uma polca para piano, mas só mais tarde entrou nas rodas de choro e nos repertórios de bandolinistas e cavaquinhistas.
É a partir daqui que começa a nossa viagem, que é a viagem do cavaquinho! Uma viagem pela lusofonia, alegre e despretensiosa, desprovida de análises etnomusicológicas.
No princípio, era só um cavaco, um "braguinha", talvez com o nome da terra que lhe deu vida nos seus primórdios: Braga.
Nesta região de festas e romarias tinha a palavra o instrumento que melhor as personificava, num tempo em que as concertinas ainda não tinham chegado para lhe tomar o lugar de solista da animação popular.
Na zona de Braga, hoje ainda encontramos diversos construtores deste instrumento, bem como diversos executantes que ainda encontram nas rusgas e nas festividades joaninas refúgio para a estridência e alegria do cavaquinho.
Um instrumento cuja história se mistura em vários continentes: viajou de Portugal para o Brasil, para Cabo Verde e chegou aos Estados Unidos, ao Havai, onde é chamado de ukulele (ou ukelele).
Este é o roteiro conduzido por Henrique Cazes. Ele que é exímio tocador de cavaquinho e que se tem ocupado, desde há largos anos, a tornar mais próximos Portugal e Brasil, através dos elementos culturais mais comuns aos dois: a língua e o "braguinha".
Invista suas próximas quatro horas num imperdível passeio pelo mundo do ukulele-cavaquinho, ciceroneado pelo mestre Henrique Cazes. No quarto vídeo da série, a havaiana Taimane Gardner, aqui mostrada em "Tico-tico no ukulele", torna a aparecer.
Episódio I [http://youtu.be/RUcplYiu5oE]
Episódio II [http://youtu.be/j1j2pcEkr4g]
Episódio III [http://youtu.be/YEMJwv5hAo0]
Episódio IV [http://youtu.be/GIgAUHzmEiQ]

Nenhum comentário: