28 agosto, 2018

Violinista, pianista e virador de página

O violinista Georges Enesco foi requisitado por um pupilo que que ia dar um recital. Enesco concordou em acompanhá-lo ao piano mas, no último minuto, percebeu que precisava de um virador de página. Ele persuadiu Alfred Cortot, que estava sentado na platéia, a ajudá-lo nesta função.
Na manhã seguinte, lia-se este comentário:
"Houve um concerto memorável na noite passada em Salle Pleyel. O homem que deveria tocar violino estava tocando piano, o homem que deveria tocar piano estava virando as páginas e o homem que deveria estar virando as páginas estava tocando violino."
Da mesma forma:
É uma máxima entre estatísticos práticos que "Os dados de que você precisa não são os dados que você tem, os dados que você tem não são os dados que você quer e os dados que você quer não são os dados de que você precisa".

TW Körner, The Pleasures of Counting, 1996
Via: https://www.futilitycloset.com/2018/03/20/triangle-3/

Nenhum comentário: