15 agosto, 2018

Um mestre do origami

Akira Yoshizawa (14 de março de 1911 — 14 de março de 2005) foi um artista japonês considerado um mestre do origami. Credita-se principalmente a ele ter elevado esta técnica a um estado artístico,
Quando criança, ele aprendeu por si próprio a fazer origamis. Mais tarde, trabalhando numa fábrica em Tóquio, ele descobriu que podia, através desta técnica, compreender e ensinar geometria a seus companheiros de trabalho.
Em 1954, publicou a monografia Atarashi Origami Geijutsu. Neste trabalho ele estabeleceu o sistema de notação para dobras do origami, que se tornou o padrão para a maioria dos dobradores. A publicação desta obra ajudou Yoshizawa a sair da pobreza.
Ele nunca quis vender as suas figuras de origami, mas sim doá-las a pessoas. Ou emprestá-las para grupos que organizavam exposições.
Durante sua carreira, Yoshizawa atuou como embaixador cultural do Japão. Em 1983, o imperador Hirohito o condecorou com a Ordem do Sol Nascente, a maior das honrarias destinadas a cidadãos japoneses.
Yoshizawa morreu em 14 de março de 2005, em Tóquio, no 94º aniversário do seu nascimento.
Alguns de seus trabalhos são mostrado neste vídeo:


Nenhum comentário: