20 novembro, 2014

Comportamento sexual dos pinípedes

Um mau dia na praia
As coisas estão esquentando no clima frio do Subantártico. Em ilhas remotas e, principalmente, desoladas, focas, lobos-marinhos e leões-marinhos estão se engajando em uma forma extrema de comportamento sexual.
Especificamente, eles vêm tentando fazer sexo com pinguins.
Esse novo comportamento sexual dos pinípedes (a superfamília de mamíferos aquáticos que inclui focas, lobos-marinhos, leões-marinhos, morsas etc.) não começou agora. Em 2006, biólogos do periódico Polar Biology viram, pela primeira vez, um lobo-marinho tentando copular com um pinguim-rei, em Marion Island, uma ilha subantártica que é lar de ambas as espécies.
Eles publicaram detalhes desse incidente e especularam, na época, que o ato sexual pode ter sido o comportamento de um animal frustrado, sexualmente inexperiente.
Em três dos quatro incidentes já registrados, o pinípede pagou o preço combinado pelo ato e deixou o pinguim ir embora. Mas, no quarto, a foca comeu, matou e depois comeu de verdade o pinguim.

Why Seals Have Sex With Penguins, BBC Earth – c/ vídeos

2 comentários:

Clara Sol disse...

Boa noite Paulo.
Amigo você sentiu que o clima foca com foca fêmea já não é o mesmo desde que os pinguins pintaram na área. Então o que se deve fazer a repeito de um assunto sério como este.
Desculpe pela resposta em tom de brincadeira, por que na verdade nem eu mesma entendi este tesão das focas nos pinguins.
Deixando o meu abraço.
Da amiga sempre.
ClaraSol

Paulo Gurgel disse...

Perguntado pela foca se "foi bom pra você também?", nenhum pinguim vai dizer que sim.