10 julho, 2013

♪Uva de caminhão♪

Samba composto por Assis Valente (1991, Bahia - 1958, Rio de Janeiro) e gravado por Carmen Miranda em 1939. Também foi gravado por Maria Alcina, Bethânia e Wanderlea (no álbum "A Lenda Viva de Carmen Miranda"), entre outros. Música em domínio público.
Comentário de Abel Cardoso Junior: 
"Assis passa em revista as músicas carnavalescas mais aceitas do ano: "Flauta de Bambu", "Pirulito", "Caiu o Pano da Cuíca", "A Pensão da Dona Estela", "Caramuru", "Eu Não Te Dou a Chupeta", "O Que Tem Iaiá", "Florisbela". "Quebra, Quebra Gabiroba" já vinha de 1930.
O nome 'Uva de Caminhão' foi sugerido pela venda de uvas em caminhões no Largo da Carioca, presenciada por ele e pelo jornalista Francisco Veiga, do alto do gabinete de prótese dentária de Assis Valente."

Já me disseram que você andou pintando o sete
Andou chupando muita uva
Até de caminhão
Agora anda dizendo que está de apendicite
E vai entrar no canivete
Vai fazer operação
Pois o que tem a "Florisbela" nas cadeiras dela
Andou dizendo que ganhou a "Flauta de Bambu"
Abandonou a batucada lá da Praça 11
E foi dançar o "Pirulito" lá no Grajaú
"Caiu o Pano da Cuíca" em boas condições
Apareceu Branca de Neve com Os Sete Anões
E na "Pensão da Dona Estela" foram farrear
"Quebra, Quebra Gabiroba"
Quero ver quebrar.
Já me disseram... (repete)
Você no Baile dos Quarenta deu o que falar
Cantando o seu "Caramuru"
Bota o pajé pra brincar
Tira, não tira o pajé
Deixa o pajé farrear
"Eu Não te dou a Chupeta"
Não adianta chorar.
Já me disseram... (repete)

2 comentários:

mesmao disse...

Amigo, qual a fonte de sua informação??? Sou pesquisador e tenho interesse... Há algum livro que você conhece???

muitíssimo obrigado,

Geraldo

Paulo Gurgel disse...

Olá, Geraldo.
Minha fonte de informação foi basicamente o musicólogo Abel Cardoso Junior (1938-2003), que, na área da música popular brasileira, publicou cerca de 200 artigos na imprensa de Sorocaba e redigiu cerca de 150 contracapas e encartes de discos. Ele também publicou o livro "Carmen Miranda, a Cantora do Brasil" (1978).
Não sei se esta fonte da informação ainda está disponível na internet. O áudio de "Uva de Caminhão" está (como deve ter constatado ao clicar sobre o link de minha postagem).
Atualmente, o livro em maior evidência sobre a "Pequena Notável" é o "Carmen - Uma Biografia" (2005), de Ruy Castro. Deste biógrafo, li o "Chega de Saudade".
Um abraço.
Paulo