21 abril, 2017

Em cima do muro - 2



Venha sentar a meu lado
Eu disse a mim mesmo
E embora não fizesse sentido
Eu segurei minha própria mão
Como uma pequena prova de amizade
E permaneci comigo mesmo
Em cima do muro.

Em cima do muro - 1

Um comentário:

Paulo Gurgel disse...

Recebi pelo Twitter:
Olá Paulo!
Parabéns pelo blog. Seus artigos sobre assuntos tao diversos, enxutos e instigantes são um prato cheio pra quem é faminto por conhecimento!
Abraços!
Vanessa Oliveira
@Vanessa251204