22 novembro, 2017

Eclipses marciais

O eclipse de Tales
De acordo com Heródoto, a aparição de um eclipse solar foi interpretada como um presságio e interrompeu uma batalha entre os medos e os lídios, no lugar que atualmente fica no centro da Turquia. A luta imediatamente parou, e eles concordaram em fazer uma trégua. Como os astrônomos podem calcular as datas dos eclipses históricos, Isaac Asimov descreveu essa batalha como o primeiro evento histórico cuja data é conhecida com a precisão do dia: 28 de maio de 585 a.C. ("Predicted Solar Eclipse Stops Battle", WIRED)

Uma versão americana
As tribos Seneca e Mohawk estavam se preparando para a guerra quando um eclipse solar total varreu a região no final da tarde de 28 de junho de 1451. As duas tribos imediatamente celebraram a paz. ("A Star Called the Sun", George Gamow).

O dia da lua morta
Em zulu, "Isandlwana" significa "o dia da lua morta". Em 22 de janeiro de 1879, por volta das 14 horas e meia, ocorreu na África do Sul um eclipse solar anular (em que a Lua é visualmente pequena para encobrir o Sol). Mas isso não teve influência sobre o resultado final desta batalha em que os zulus venceram os britânicos. (Falhanços militares, Blog EM)

Nenhum comentário: